quinta-feira, 13 de maio de 2010

Ato de Consagração a Nossa Senhora – São Luís de Montfort


São Luís Maria Grignion de Montfort
 
Ó Sabedoria Eterna e Encarnada! Ó amabilíssimo e adorável Jesus, verdadeiro Deus e verdadeiro homem, Filho único do Pai Eterno e de Maria sempre Virgem!

Eu vos adoro profundamente no seio e nos esplendores do vosso Eterno Pai, durante a eternidade, e no seio de Maria vossa Mãe Santíssima, no tempo de vossa Encarnação.


Agradeço-vos terde-vos aniquilado, tomando a forma de um escravo, para me arrancardes à cruel escravidão do demônio. Eu vos louvo e glorifico por vos terdes querido submeter a Maria, vossa Santa Mãe, em todas as coisas, a fim de me tornardes por Ela vosso fiel escravo.


Mas, ai de mim, ingrato e infiel que sou! Não guardei os votos e as promessas que tão solenemente vos fiz no meu Batismo. Não cumpri com minhas obrigações, não mereço ser chamado vosso filho nem vosso escravo, e, como nada há em mim que não mereça senão vossas repulsas e vossa cólera, já não ouso por mim mesmo aproximar-me de vossa santa e augusta Majestade.


É por essa razão que recorro à intercessão de vossa Mãe Santíssima, que me deste por Medianeira junto de Vós, e é por seu intermédio que espero obter de Vós a contrição e o perdão de meus pecados, a aquisição e a conservação da Sabedoria.


Eu vos saúdo, pois, ó Maria Imaculada, Tabernáculo vivo da Divindade, onde a Sabedoria Eterna escondida quer ser adorada dos anjos e dos homens!


Eu vos saúdo, ó Rainha do céu e da terra, a cujo império está sujeito tudo o que existe abaixo de Deus!


Eu vos saúdo, ó refúgio seguro dos pecadores, cuja misericórdia jamais a ninguém faltou!

Atendei aos desejos que nutro pela Divina Sabedoria e recebei para isto os votos e ofertas que minha baixeza Vos apresenta.


Eu, (nome de quem se consagra), pecador infiel, renovo e ratifico hoje, entre vossas mãos, os votos de meu Batismo.


Renuncio para sempre a Satã, suas pompas e suas obras.


E me entrego inteiramente a Jesus Cristo, a Sabedoria Encarnada, para levar minha cruz em seu seguimento, todos os dias de minha vida, e para que eu seja mais fiel do que lhe tenho sido até agora.


Eu Vos escolho hoje, ó Maria, na presença de toda a corte celeste, por minha Mãe e Mestra. Eu vos abandono e consagro, na qualidade de vosso escravo, meu corpo e minha alma, meus bens interiores e exteriores, e o valor mesmo de minhas boas ações passadas, presentes e futuras, deixando-Vos inteiro e pleno direito de dispor de mim e de tudo o que me pertence, sem exceção segundo o vosso beneplácito, para a maior glória de Deus, no tempo e na eternidade.


Recebei, ó Virgem benigna, esta pequenina oferta de minha escravidão, em honra e união à submissão que a Sabedoria Eterna se dignou manifestar à vossa Maternidade, em homenagem ao poder que Vós ambos tendes sobre este pequeno verme e miserável pecador, em ação de graças pelos privilégios com que a Santíssima Trindade Vos favoreceu.


Eu protesto querer daqui por diante, como vosso verdadeiro escravo, procurar vossa honra e obedecer-Vos em todas as coisas.


Ó Mãe admirável, apresentai-me a vosso caro Filho, na qualidade de escravo eterno, a fim de que, tendo-me resgatado por Vós, por Vós também me receba.


Ó Mãe de misericórdia, fazei-me a graça de obter de Deus a verdadeira Sabedoria, e de me colocar para isso no número daqueles a quem amais, ensinais, conduzis, nutris e protegeis como a vossos filhos e vossos escravos.


Ó Virgem fiel, tornai-me em todas as coisas um tão perfeito discípulo, imitador e escravo da Sabedora Encarnada, Jesus Cristo, vosso Filho, que eu chegue por vossa intercessão e a exemplo vosso à plenitude de sua idade na terra e de sua glória nos céus. Amém.

5 comentários:

  1. Sou consagrada à Nossa Senhora desde 2003,fiz toda preparação devida e quem me consagrou foi Dom Aberto Taveira, foi uma linda clebração.Sou muito feliz por deixar Nossa Senhora conduzir minha vida.E convido a todos a se consagrarem também.

    ResponderExcluir
  2. Tenho uma pergunta: se na consagração nos entregamos totalmente (obras, pensamentos, atitudes, corpo), isso me impediria de namorar? e casar??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sr. Maximiller,
      Certamente que deve ser vivenciado dentro do estado de vida escolhido (se vocacionado religioso, para o matrimônio, ou solteiro consagrado)

      Convém alertar para como deve ser o namoro dentro dos parâmetros católicos.

      Segue um link do pequeno catecismo do namoro: http://www.fsspx-brasil.com.br/page%2006-4g.htm

      Claudiomar

      Excluir
    2. SOu connsagrada a Nossa Senhora e posso namorar sim mas santamente, em sexo antes do matrinômio, consagrada ou não o namoro deve ser santo, é uma preparação para a vida matrinomial, sexo não combina com solteiros e uma visão mundana que nos leva a pecar, antes ele traz muitas preocupações futuras. pense nisto, se optou deve deixar os prazeres errados do mundo, onde fica a castidade.Sexo é para casados Meu nome é dulcinéia Sofia Itabira MG

      Excluir
  3. Quando consagramos deixamos o velho pecador(a) para antigamente, devemos buscar a santidade dia a dia. Não nos é permitido viver como o mundo vive, devemos ter a visão que o mundo não nos pertence, devemos amar os nossos familiares e amigos, viver e conviver mas sempre colocando Jesus e Maria nates de tudo, como eles vivenviam a essas situações. Não é facil mas consegimos em DEUS

    ResponderExcluir

Comente:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...